18 de outubro de 2012

Dia 111 - MLV - Impressionar, Impressão, Impressionante

18 de outubro de 2012

MLV - Mente Livre de Vírus

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar como o ser humano é um ser que durante os primeiros anos de vida é fácilmente impressionado.

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar como este facto leva a que sejamos fácilmente impressos com crenças e ideias - ou seja, o facto de sermos fácilmente impressionados faz com que sejamos fácilmente programados com certas e determinadas ideias/crenças -- assim como vemos as crianças e adolescentes a seres impressionadas pelo Justin Bieber (ou outro qualquer artista/famoso) e assim acabam por ficar programadas com a ideia/crença que ele é algo de especial/fantástico -- quando na verdade estas crianças/adolescentes estão contaminadas com o vírus de inferioridade e desejo (Bieber Fever) -- e quem diz "Justin Bieber" diz "Pai Natal" ou "Kim Kardashian", ou "Tom Cruise" ou "Angelina Jolie" ou "David Beckham" ou "Jesus" ou "Deus".

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar a semelhança entre as palavras "impressionar", "imprensa", "impressão" "impressionante" -- que claramente demonstram como a indústria da imprensa (jornais/revistas) através da impressão de palavras/imagens em PAPEL faz com que sejamos impressionados e posteriormente impressos/programados com ideias/crenças sobre o mundo e como as coisas funcionam e como o ser humano funciona -- e desta forma acabamos por ter um PAPEL  fulcral na manutenção deste actual sistema dependente da crença/fé que temos/colocamos sobre o valor impresso/colocado no PAPEL (dinheiro)  -- o que faz com que sejamos impressionados e assim acabamos por dar valor áqueles que acumulam "muito PAPEL" - e acabamos por ver estes como exemplos a seguir, desejando que possamos um dia a vir impressionar as outras pessoas para que possamos ter uma "vida impressionante" -- e enquanto tudo isto se passa não consideramos as consequencias de tal intenção/desejo: a criação de escravos! -- pois num mundo de recursos finitos é matemáticamente necessário que muitos tenham muito pouco para que muito poucos tenham muito!

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar como todos nós fomos/somos impressos/programados com Medo para que tenhamos "a impressão" que a VIDA como ela existe actualmente na Terra é "normal".

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar que quando dizemos "tenho a impressão que X eY" estamos na verdade a dizer que fomos PROGRAMADOS para acreditar X e Y = fomos impressos com a ideia/crença X e Y.

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar que a impressão (a crença/ideia) que eu tenho de mim mesmo é algo que me foi programado e eu aceitei como sendo real/verdadeiro -- o que faz com que eu diga que "eu não sou capaz de mudar" pois esta impressão  foi feita ao nível celular = o que quer dizer  que se tornou a total expressão de mim mesmo.  No entanto, assim como eu foi programado/impresso desta forma, eu sou também capaz de me programar como aquilo que é melhor para todos ao fazer uma impressão celular com estas palavras de perdão próprio que escrevo/falo.

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar que me cabe a mim mesmo tornar-me a impressão viva daquilo que é melhor para todos.

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar da responsabilidade que os pais têm em dar a impressão "correcta" aos filhos sobre o que realmente é a VIDA --- e a impressão correcta é AQUILO QUE É MELHOR PARA TODOS.

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar que a TODO O MOMENTO eu estou a impressionar tudo o que me rodeia com o meu comportamento -- ou seja, a todo o momento eu estou a ser um exemplo/exemplar/impressão daquilo que eu me aceite e permito ser --- assim sendo eu realizo que a todo o momento a minha expressão deve ser aquilo que é melhor para todos de forma a que aqueles me me rodeiem possam ser ver que existe uma forma de ser que considera tudo e todos como um e igual.

Eu perdoo-me por não me ter aceite e permitido realizar que o mundo actual é o resultado da impressão que os pais passaram aos seus filhos -- e como tal a solução para resolver todos os problemas do mundo é está obviamente impressão/programação daquilo que é melhor para todos.



0 comentários:

Enviar um comentário

 
◄ Free Blogger Templates by The Blog Templates | Design by Pocket