28 de agosto de 2013

Dia 233 - Enfrentando a Morte: Ainda Estou/Sou Aqui

28 de agosto de 2013
desteni technotutor techno tutorAconteça o que acontecer, eu Estarei e Serei sempre Aqui.

O meu primeiro contacto com a morte que me recordo foi a do meu piriquito chamado Sino. A Tweety, suposta namorada, atacou-o, ferindo-o mortalmente. Ele acabou por morrer na minha mão. Lembro-me bem do momento do seu último suspiro.
Ele morreu - mas eu Aqui permaneci. Eu ainda Aqui estava. Eu ainda Aqui era.
Eu tinha cerca de 10 ou 11 anos.

O meu cão, Pastor, morreu ontem - mas eu ainda Aqui estou/sou.

Um dia o meu pai e a minha mãe irão morrer, provavelmente primeiro que eu, e se assim for eu Aqui continuarei.

Um dia a minha irmã morrerá - e se for primeiro que eu, eu Aqui continuarei.

Um dia a minha esposa morrerá - e se for primeiro que eu, eu Aqui continuarei.

Isto é fascinante, porque apesar do apego e relacionamentos que se formam, quando qualquer familiar ou amigo morre, nós continuamos Aqui.
Logo, a questão coloca-se: Será que o relacionamento/apego que criamos com outra pessoa é realmente Quem Nós Somos?
Não.
Morre a pessoa, morre o relacionamento --> mas eu continuo Aqui.

Eu estarei Sempre comigo, Aqui. Não há nada que altere isso.

O meu cão morreu -- e quando chegou a altura de chorar, chorei bem. Mas depois, no silêncio, realizei: Eu ainda estou/sou Aqui.

Para sempre eu me terei a mim mesmo.

Logo, é essêncial que eu estabeleça por mim mesmo uma estabilidade e uma paz em mim mesmo de forma a que eu seja capaz de lidar com todos os eventuais eventos que ocorrerão.

Isto é tudo o que eu posso fazer por mim mesmo. É o mínimo que eu posso fazer por mim mesmo -- pois aconteça o que acontecer eu estarei/serei Sempre AQUI comigo mesmo, e como tal terei sempre de lidar comigo mesmo e com aquilo que experiêncio -- mais ninguém o fará por mim. Esta é a responsabilidade que cada um tem para consigo mesmo.

Eu estarei Sempre Aqui -- aconteça o que acontecer.

A questão que se coloca é: Quem é que eu DECIDO SER AQUI a cada Momento?
Um escravo de energias? (relacionamentos)

Ou um Ser verdadeiramente LIVRE? --> capaz de amar incondicionalmente e capaz de fazer paz com o passado de forma incondicional e "seguir em frente".

0 comentários:

Enviar um comentário

 
◄ Free Blogger Templates by The Blog Templates | Design by Pocket